segunda-feira, outubro 25
Shadow

Quarentena: canal no WhatsApp ajuda vítimas de violência doméstica no isolamento social

Gostou? Ajude a compartilhar! ;)

Canal no WhatsApp oferece apoio a mulheres vítimas de violência doméstica durante quarentena

Com o isolamento social, as mulheres podem estar mais vulneráveis em relação as agressões domésticas, este fato é apontado por dados recentes. Em países como Itália e China, uma pesquisa informa que os casos de violência doméstica subiu durante a quarentena.

O Projeto

O projeto Justiceiras foi criado por um grupo de voluntárias, formado por médicas, psicólogas e assistentes sociais, para dar assistência ás mulheres vítimas de violência doméstica.

As profissionais vão oferecer suporte dentro da sua área de atuação, em um canal criado por elas no WhatsApp. Estas muçheres que tomaram a iniciativa do projeto, também já passaram por situação parecida e conseguiram sair do ciclo da violência, desta forma podem participar e compartilhar suas experiências.

Outras mulheres que atuam em uma dessas áreas, também podem se inscrever para ser voluntárias, se você tiver interesse, acesse o link [clicando aqui]. Hoje, já são mais de 650 voluntárias.

O Canal

O Canal, além de ter como propósito oferecer ajuda, ele também dá acesso a vídeos informativos; o número do Whatsapp para atendimento das mulheres vítimas de violência doméstica é (11) 99639-1212. A

“A violência não pode ser esquecida ou subnotificada. Um dos institutos fundadores do projeto, que tem sede física e atua diretamente no combate à violência doméstica, já relatou o aumento de casos nos últimos dias”, informou a Presidente do Instituto Nelson Wilians, Anne Carolline Wilians.

O projto pretende ser ampliado após o período de quarentena

“É importante que nós mulheres tomemos posse de nossas lutas, que a sororidade seja exercida em momentos de vulnerabilidades, exposição, mas estenda-se além da situação atual. O que vimos com esse canal é exatamente uma oportunidade de engajar mais mulheres. A causa é nobre, exige engajamento, exige sororidade, exige compaixão”, explicou.

Acesse a página da iniciativa no Linkedin [neste link]

Cursos online gratuitos

Também publicamos matérias com cursos gratuitos de mais instituições, confira abaixo:

  1. USP
  2. UNICAMP
  3. ITA
  4. SENAI
  5. Sebrae
  6. Harvard

Também temos diversas bolsas de estudo EAD em mais de 1.200 faculdades de todo país, confira aqui e estude a distância e sem risco: https://estagioonline.com/bolsas-estudo


Gostou? Ajude a compartilhar! ;)